quinta-feira, 8 de agosto de 2019

BraZil pós golpe

BraZil pós golpe
Chegamos a produzir 70% do combustível que utilizávamos e estávamos chegando a autossuficiência em petróleo, e agora chegamos a este patamar apos golpe Temer/PSDB, COM SUPREMO COM TUDO.
Lava Jato desmantelou nossa infraestrutura da construção civil e paralisou os investimentos na área do refino, o que resultou na maior dependência de importações dos EUA, país mentor de toda trama golpista.

Folha da Coca

Folha da Coca
Flor Pino Ocampo
Folha da coca 🍃
A cada 100 gr contém:
Azoto total 20.06 MG
Alcalóides total não voláteis 0.70 MG
Gordura 3.68 MG
Carboidratos 47.50 MG
Beta caroteno 9.40 MG
Alfa-Caroteno 2.76 MG
Vitamina C 6.47 MG
Vitamina E 40.17 mg
Tiamina (vitamina B1) 0.73 MG
Riboflavina (vitamina B2) 0.88 MG
Niacina (fator p. P) 8.37 MG
Cálcio 997.62 MG
Fosfato 412.67 MG
Potássio 1,739.33 MG
Magnésio 299.30 MG
Sódio 39.41 MG
Alumínio 17.39 MG
Bário 6.18 MG
Ferro 136.64 MG
Estrôncio 12.02 MG
Boro 6.75 MG
Cobre 1.22 MG
Zinco 2.21 MG
Manganês 9.15 MG
Crómio 0.12 MG
A Folha de coca tem 14 alcalóides, a cocaína é um deles e para usar o produto que mal chamam de coca, que é cocaína pura, são usados vários químicos a partir de toneladas de folha que nunca serão usadas para mambear ou para uso Tradicional, já que o processo as deixa inúteis... a folha de coca pura, torrada, usada na boca é a forma tradicional e não é droga, nem mata que mata, é planta que cura e como pode se ver na imagem tem Elementos de vida, que curam e fortalecem corpo, mente e energia... o mal uso de um produto derivado, é o criado para o tráfico de drogas... faz milênios é usado de forma natural em povos originários... Até Freud usava compostos De cocaína para uso terapêutico, por isso o próprio derivado não tem problemas se for usado para o que é, por prescrição... Quando se abusa do que for, se criam abusos, desordens, doença, mas uma planta não é a origem De um mal uso...
" a coca é um grande remédio, a sua folha destilada ou fermentado pode-se até injectar, há anos a usamos para pacientes com câncer e artrite com resultados maravilhosos."
Propriedades funcionais da folhas de coca-cola processada
Destaca a sua grande quantidade de cálcio do que contém, em 100 gr de folha seca, 2,196 mg contra 120 mg do leite fresco de vaca. Tem tanta vitamina a como a cenoura. Além disso, COMPLEXO B, b-12, que melhora a assimilação dos alimentos, o sistema nervoso e o estado de espírito; e significativos quantidades de zinco, magnésio, potássio, entre outros (ver tabela anexa).
É energética e estimulante: a contribuição de energia vem de duas fontes: as suas 300 calorias cuja principal fonte são carboidratos complexos (63 gr) e da sua fibra dietética (18 %) pela sua ação direta e prebiótica no Colon, esta energia vai acompanhada de uma maior oxigenação celular o que permite pensar melhor, superar a falta de oxigênio (soroche) e aumentar a nossa capacidade e resistência física. Este poder energético é reforçado por ser também um estimulante neural que melhora o estado de espírito para o trabalho físico e intelectual. É baixa em gordura (3.5 %).
Contém alcalóides, os mesmos que se relacionam e complementam uns aos outros, comportando-se a dizer da Nutricionista Maritza Vera pennacchi como uma junta de médicos que combinam esforços para superar as diversas disfunções orgânicas, ao mesmo tempo que desenvolvem sinergia com seus nutrientes e os outros alimentos Consumidos, permitindo o seu melhor aproveitamento.
A qualidade da sua fibra tem sido motivo de estudos como importante fonte de fibra dietética insolúvel que fortalece o nosso cólon e por possuir compostos bioativos que aumentam o nosso sistema de defesa, também chamado de imunológico.
Tem poder antioxidante por conter uma combinação de flavonóides, tanino, lignina e quantidades importantes de vitaminas a, c, e e minerais (Magnésio, zinco, cálcio entre outros) que combatem os radicais livres, bactérias demoníacas, e protegem as nossas células contra o envelhecimento Precoce e as transformam em antiestresse e anticancerígenas.
Fonte importante de clorofila, contribui para a regeneração do DNA.
Imagem tirada da web *

Luísa Mahin

Luísa Mahin
Luísa Mahin — Nascida no início do século XIX —, foi uma ex-escrava de origem africana, radicada no Brasil, que tomou parte na articulação dos levantes de escravos que sacudiram a Província da Bahia nas primeiras décadas do século XIX.
Membro do povo Mahi, de onde vem seu sobrenome, Luísa Mahin comprou sua alforria em 1812. Livre, tornou-se quituteira em Salvador.Ela teve um filho, o poeta e abolicionista Luís Gama, que a descreveu como uma mulher baixa, magra, bonita, de dentes "alvíssimos, como a neve", altiva, generosa, sofrida e vingativa.
Luísa esteve envolvida na articulação de todas as revoltas e levantes de escravos que sacudiram a então Província da Bahia nas primeiras décadas do século XIX. De seu tabuleiro, eram distribuídas as mensagens em árabe, através dos meninos que pretensamente com ela adquiriam quitutes.Desse modo, esteve envolvida na Revolta dos Malês (1835) e na Sabinada (1837-1838). Como negra africana, sempre recusou o batismo e a doutrina cristã. Descoberta, Luísa foi perseguida, até fugir para o Rio de Janeiro, onde foi encontrada, detida e, possivelmente, deportada para Angola.