sexta-feira, 3 de abril de 2015

“de tanto ver triunfar as nulidades… .”

Cunha, o ilibado, quer processar Nassif

Autor: Fernando Brito
cunhanassif
Como era mesmo aquela frase do Rui Barbosa sobre “de tanto ver….” Ah, sim:
“De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto.”

Pois não é que o pró-homem da República, Eduardo Cosentino Cunha, está processando o jornalista Luís Nassif  por dizer o que, há 20 anos, dele diz toda a imprensa brasileira, mas apenas quando lhe convém?
Cunha, é claro, não processa a Istoé, a Veja, a Folha, o Globo nem nenhum outro poderoso grupo de comunicação.
Valente como é, processa Nassif.
E Nassif reage de uma forma espetacular, bem inspirada neste mecanismo de participação coletiva que desenvolvemos nos blogs ditos “sujos” por gente como o Eduardo “Limpo”.
Chama a todos para ajudarem a recolher tudo o que a grande imprensa já publicou sobre as peripécias de Eduardo Cunha e reunir em um grande volume a ser usado na defesa.
Não apenas como prova dos fatos mas para que se mostre a hipocrisia de quem não se sente ofendido com o que dele dizem os grandes, mas estica as garras contra os pequenos, se valendo do seu poder.
Leia o post do Nassif:

Eduardo Cunha ameaça processar o Blog

O presidente da Câmara Federal, deputado Eduardo Cunha pretende processar o Blog.
No mandado de citação, ele diz:
“O Autor, depois de vários anos de sua vida como administrador digno e honesto chegou ao elevado cargo de Presidente da extinta Telerj, no qual destacou-se sobremaneira» sendo que sua administração chegou a ser objeto de referência elogiosas na imprensa, como vê do incluso editorial do Jornal ‘V GLOBO” (Doe, 1)
Além disso, , face à sua comprovada honestidade e competência como administrador, o Autor chegou ao cargo de Presidente da Cehab (Doe. 2)
Posteriormente, por força do voto popular, foi levado à ALERJ, como Deputado Estadual (Doe. 3).
Hoje, ocupa uma honrosa cadeira na Câmara dos Deputados, para a qual também foi reeleito pelo voto popular nas últimas eleições, em um segundo mandato como Deputado Federal (Doe. 4).”.
Vou pedir uma ajuda para vocês, em uma pesquisa nos sites jornalísticos, especialmente no período 1990 a 2000.
Para os voluntários, o trabalho coletivo fica assim:
1.     Pesquisem nos sites. Na Folha tem muita matéria, assim como na Veja e na IstoÉ da época. Seria bom pesquisar em O Globo, já que Cunha invoca um editorial elogioso em seu favor.
2.     Selecionadas as matérias relevantes, copie o link e os trechos mais elucidativos.
3.     Podem também imprimir a página em PDF e, depois, anexar o arquivo nos comentários. Basta clicar no PRINT e, nas opções, selecionar gravar em PDF.
4.     À medida em que os trabalhos forem sendo levantados, vamos estruturá-los em uma série sobre o presidente da Câmara.
O material também poderá ser enviado para lourdes@jornalggn.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário