quarta-feira, 30 de abril de 2014

A invenção do ente


André Rezende Azevedo:
"O pensamento dominante inventou um ente, o “modelo capitalista”, para atribuir a culpabilidade de invasões e depredações ao patrimônio. Atribuiu à “desigualdade social” o aumento dos casos de roubos e violências físicas. Atribuiu à falta de “discernimento entre o certo e o errado” a atenuação dos encargos dos assassinatos cometidos pelos jovens. Quer dizer, atribui-se a uma abstração que paira acima de tudo e todos, as responsabilidades que deveriam ser dos indivíduos de carne e osso. "

0 comentários: