segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012


As impressões de um ignorante. Mas nem tanto!

Acompanhando as “grandes” discussões que tem acontecido ultimamente na suprema corte brasileira sobre o que pode e o que não pode na conformidade com a constituição brasileira, concluo que:
É legal!
É constitucional!
Político ter ficha suja
Ele pode ser candidato!
Ele pode ser eleito!
Ele pode!!
ELE PODE!!

É legal!
É constitucional!
Político, banqueiro, juiz... furtar, ser corrupto, ser bandido ser desonesto, ser criminoso ser sem vergonha...

Não é legal!
Não é constitucional!
O Ministério Publico investigar político, banqueiro, juiz...

Não é legal!
Não é constitucional!
A Policia Federal investigar e prender político, banqueiro, juiz...

Queriam que não fosse legal!
Que não fosse constitucional!
E quase conseguem! - Foi por 6 votos a 5 dos ministros.
O Conselho Nacional de Justiça investigar magistrado!

Dizer que as ações do CNJ desrespeitam a atuação  - que não existe! - dos autos governos dos tribunais...
É “achar” que o povo, em sua totalidade, é plenamente ignorante.
Ignorante todos nós somos, sem exceção. Uns mais outros menos, mas não plenamente!

Dizer que é das corregedorias dos tribunais onde os juízes atuam a competência de investigá-los é tentar fazer com que se ignore o espírito corporativo que há em cada um...!!

Dizer que investigar político, banqueiro, juiz... que furta, que rouba, que é corrupto, bandido, desonesto, criminoso, sem vergonha... é colocar em rico as instituições, é colocar em risco a constituição federal, é colocar em risco a democracia e o estado democrático de direito.
É querer que confundamos o significado de DEMOCRACIA com o de LIBERALISMO

DEMOCRACIA significa POVO no Governo – Governo do POVO.
E não corruptos, ladrões, bandidos, desonestos, criminosos, sem vergonhas... no Governo ou Governo desses indivíduos.
A não ser que o POVO seja corrupto, ladrão, bandido...

Agora, quando se trata de LIBERALISMO, que é o caso do Brasil, um Estado Liberal, o governo, as instituições podem ser de corruptos, ladrões, bandidos, desonestos, criminosos, sem vergonhas...
Pois é onde essas gentes têm liberdades para isso e muito mais
Têm garantias do estado liberal de direito e não de um Estado DEMOCRÁTICO!!
Professor Negreiros

Quanta ignorância!

Se tu tens Deus!
Então Deus é teu!
É teu Deus!
Como tu bem dizes
-- “Meu Deus”!!

Como tu és grande!
Tu és poderoso!
Então tu tens domínio sobre Deus!
Pois tu estás acima d’Ele!
Ele é tua posse!
É tua propriedade!
É teu
Deus!!

Logo, Ele não faz o que quer!
E sim, faz o que você quer!!
Porque Ele é o que você quer que seja!

Quanta ignorância a tua, heemmm!!

Eu?!
Eu não tenho Deus.
Mas isso não me preocupa!
Não me deixa desesperado!
Não me condena ao inferno!
Professor Negreiros

Não Sou!

O que tenho a dizer a meu respeito
É que no Tempo Cronológico Fui Nada!
O Nada Tudo Teve e Tudo Terá!
Tudo o que houve foi retirado do Nada e ao Nada retorna, pois é transitório.
Não Sou!
Fui e Serei somente aquilo em que irei me transformando!

Como o senhor Jesus Cristo, o homem de Nazaré, também nasci pagão.
Como todos aqueles que nasceram e quem venha nascer.
E permaneço, sem nenhum problema, pagão!

Como o senhor Jesus Cristo, o homem de Nazaré, também nasci dentro de uma velha estrebaria [um velho curral].
Como já nasceram uns poucos e uns poucos ainda hão de nascer, por este mundo à fora, dentro de uma velha estrebaria.

Como o senhor Jesus Cristo, o homem de Nazaré, também nasci cristão e comunista, e como tais, permaneço.
Não nos tornamos nem nos fizemos cristãos nem comunistas! Nascemos assim!!

Como o senhor Jesus Cristo, o homem de Nazaré, também não nasci católico, nem tampouco evangélico!
E como Ele, não me fiz e nem me tornei católico e tampouco evangélico.

Nascemos sim! UM Ser Religioso!!
Somos Todos UM!
Somos DEUS!!
Por isso não termos religião!

Como o senhor Jesus Cristo, o homem de Nazaré, nasci para protestar a pratica teológica e não teológica dos protestantes evangélicos que se dizem protestantes e evangélicos se dizendo evangelistas. Mas nem evangelistas nem evangélicos o são... São protestantes!

Para você e para outros...
Não sou o que honesta e verdadeiramente sou.
Sou o que você e outros dizem de mim aos outros, o que imaginam o que sou.

E, infelizmente, a vida toda, sou o que não sou, sem deixar de ser o que sou sem ser o que sou!
Portanto, tudo é sem ser o que é!
Mas é!!
Não somos o que somos nem o que deveríamos ser!

E... Eu?!
Eu sou aquilo em que acredito e irei me transformando conforme vou me interagindo com você e com os outros.
E aquilo em que acredito e me interajo determina minhas ações – Responsabilidade, honestidade, fidelidade, d’entre muitas outras, são palavras-chave em meu caminho.
E que também determinam minhas ações.
Professor Negreiros

Maçons Pela Democracia Lançam 6ª Carta ao Povo Brasileiro: Liberdade, Igualdade e Fraternidade

Maçons Pela Democracia Lançam 6ª Carta ao Povo Brasileiro: Liberdade, Igualdade e Fraternidade