Estou nesse Poema

*Tou nesse livro, com esse poema*


Tomara que o teu facismo
Nao resista ao amor
Que a tua misoginia 
Se derreta no calor 
De mil abraços fraternos
Nesse país multicolor

Tomara que o teu machismo
Vire a mais pura flor
E Você seja docinho 
O puro néctar do amor

Tomara que a homofobia
Que você tem semeado
Floresça às avessas
Que nem o milho estourado
E que você prove do amor
Mais puro e delicado

Tomara que o preconceito
Regado no teu coração
Desvie o curso da dor
Encontre a luz do perdão
E que de tanta claridade
Você enxergue a verdade
Saindo da escuridão 

Tomara, tomara mesmo
Que a arma que você aponta
Lance balas de alegria
Deixe a tua alma tonta
E você em êxtase e gozo
Seja sua propria janta

Tomara que toda a ira
Jorrada dos olhos teus
Desague no mar sereno
Da infinitude de Deus
E no maremoto divino
Os teus defeitos e os meus
Sejam em transmutação
Asas de um Louva-a-Deus

Lilia Diniz

#AmorSim
#PazSim

#...#

Disqus Comments
Tecnologia do Blogger.

About

© 2017 Portal Pan Americano - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger